Um branco com Iscas, ou então, com uns
Mexilhões à Bulhão Pato.

por João Pedro Carvalho

Desta vez rumamos ao Alentejo, à terra que me viu nascer e no que toca ao vinho que produz, se viu dividida em oito sub-regiões: Portalegre, Borba, Évora, Redondo, Reguengos, Granja-Amareleja, Vidigueira e Moura. Muitas delas ganharam fama ao longo de gerações, pelos mais de 50 anos que levam a colocar vinho na mesa dos consumidores. Em alguns casos chegaram a ser o expoente máximo da qualidade de determinada sub-região, tempos que ainda hoje ecoam na memória dos consumidores.

Na minha casa e em tempos idos, as conversas que os mais velhos faziam levavam quase sempre para que a escolha entre brancos e tintos fosse dividida entre as duas Adegas Cooperativas mais próximas, para brancos a Adega de Redondo e para tintos a Adega de Borba. Na passada larga do tempo e na saudade dos que já cá não estão para contarem todas aquelas histórias, a verdade é que hoje em dia as coisas já não são tão bem assim. Digamos que em termos de qualidade, tanto em brancos como em tintos, a coisa ficou ela por ela e é possível encontrar bons vinhos um pouco por todo o lado.

Enquanto escrevo penso no que vou fazer para o almoço, algo que tem de ligar bem com este Selecção de Enófilos Alentejo branco 2015. Decidi-me por um dos pratos que sempre ligou bem e que tantas vezes foi acompanhado ao balcão por um copo de vinho branco, as Iscas com Elas. Cortadas bem finas e marinadas com antecedência, se possível que sejam de borrego para que a experiência se eleve para outro patamar. Mas para que a ligação seja plena é preciso que o branco tenha uma boa frescura e estrutura suficiente para cortar e aguentar a pujança do prato e manter o palato apurado garfada após garfada, como é o caso.

O casamento entre aromas e sabores é quase sempre certeiro, num turbilhão de emoções difícil de descrever. O vinho porta-se à altura, fresco e tenso, com fruta de pomar e ligeiro vegetal fresco de fundo, claramente de perfil gastronómico. Para os que não gostavam de iscas, fiz uns Mexilhões à Bulhão Pato. Foi de beber e chorar por mais! Até à próxima.

João Pedro Carvalho

As opiniões de
João Pedro Carvalho

Nascido e criado no Alentejo, em Vila Viçosa, com formação académica em Engª do Ambiente, sempre fui defensor e apreciador dos produtos e da gastronomia de cada região.
O mundo do vinho foi-me cativando até que em 2005 criei o primeiro blog de vinhos em Portugal, o Copo de 3. O objectivo ainda hoje é o mesmo, divulgar o melhor possível todos os vinhos que vou tendo a oportunidade de provar e tentar cativar os consumidores para este fantástico mundo.

mais Artigos cá dos nossos sobre Selecção de enófilos

  • SAIBA MAIS
    Um tinto com a assinatura do Douro
    Um tinto do Douro a mostrar a raça que caracteriza os vinhos da região.
  • SAIBA MAIS
    A identidade própria é a chave do sucesso
    Um vinho onde se respira Alentejo.
  • SAIBA MAIS
    Um assado de borrego com vinho do Dão
    O vinho é um factor de união e promotor da confraternização.
    selecao-enofilos-dao
  • SAIBA MAIS
    Uma bairrada para todos
    Um tinto que mostra uma faceta moderna, numa combinação da tradicional casta Baga com a casta Touriga Nacional.
  • SAIBA MAIS
    Os encantos do Moscatel de Setúbal
    O Moscatel de Setúbal é um mundo que merece ser conhecido e explorado.
  • SAIBA MAIS
    Perfeito para o verão, Branco Leve de Lisboa
    É um vinho de carácter jovial, quase sempre ligeiro de corpo, mostrando-se bem frutado e perfumado.
  • SAIBA MAIS
    Alvarinho, o rei do verão
    Haverá melhor maneira do que com um Alvarinho servido bem fresco na companhia dos amigos?
  • SAIBA MAIS
    Um Loureiro fresco e perfumado
    De aromas frescos e muito perfumado, cheira a verão!
  • SAIBA MAIS
    A frescura da serra
    Um segredo muito bem guardado.
  • SAIBA MAIS
    Um branco Do Tejo
    Um belo branco Do Tejo cheio de raça, oriundo de um dos produtores mais conhecidos da região, a Quinta da Alorna.
  • SAIBA MAIS
    Um branco DOC Douro
    Vinho tenso que acompanha muito bem pratos de bom temperamento.
  • SAIBA MAIS
    Um Reserva Douro
    Aromas e sabores mostram um tinto do Douro pronto a dar muito prazer, trago após trago, sem cansar.
    opiniao-douro-destaque
  • SAIBA MAIS
    Um Vinho Reserva que veio Do Tejo
    Um Vinho Reserva que respira saúde.
    opiniao-douro-destaque
  • SAIBA MAIS
    Um branco com Iscas, ou então
    uns Mexilhões à Bulhão Pato
    Fresco e tenso, com fruta de pomar e ligeiro vegetal fresco de fundo
    opiniao-branco-alentejo-destaque
  • SAIBA MAIS
    Um tinto do Douro cheio de boa disposição
    Um vinho de fácil abordagem e que facilmente conquista à mesa
    opiniao-tinto-douro-destaque
Partilhar
Facebook Twitter Mais