Perfeito para o verão, Branco Leve de Lisboa

por João Pedro Carvalho

O Branco Leve é um vinho típico e exclusivo das regiões de Lisboa e do Tejo, cujas principais características o levam a poder apresentar-se com uma ligeira presença de gás, mas acima de tudo destaca-se pelo teor alcoólico, máximo de 10%vol. e 10,5%vol., respetivamente. É um vinho de carácter jovial, quase sempre ligeiro de corpo, mostrando-se bem frutado e perfumado, num conjunto com boa frescura que consegue por vezes mostrar uma ligeira ponta de doçura, mas são regra geral vinhos de fácil abordagem e que se querem em ambiente informal e descontraído. Um vinho para beber no ano em que é colocado no mercado, de preferência no pico do verão quando o calor mais aperta, para que se possa usufruir da plenitude dos seus encantos e prazeres. 

Branco Leve de Lisboa

Estamos a falar sobre um tipo de vinho que pelas suas características únicas e diferenciadas, inexplicavelmente tem passado um pouco ao lado dos consumidores. Felizmente há exemplares como este Selecção de Enófilos, de perfil bastante atrativo em ambiente de praia ou esplanada, que merece ser conhecido e partilhado pela qualidade e pelo prazer que proporciona. Neste caso temos um Branco Leve Colheita Selecionada com um teor alcoólico de 10%vol., feito a partir de um lote das castas Arinto, Fernão-Pires e Moscatel-Graúdo. Um vinho que se mostra bem fresco de aromas, numa linha de qualidade acima da média para o que se costuma encontrar neste tipo de vinhos, com predominância de aromas frutados, num conjunto muito apelativo e perfumado, com notas de citrinos, frutos do pomar, boa frescura a envolver tudo. Sirva-se bem fresco a acompanhar, por exemplo, com umas sardinhas assadas, uma refrescante salada de camarão e abacate, uns pastelinhos ou pataniscas de bacalhau com arroz de tomate e toda uma panóplia de pratos. Agora vou ali dar um mergulho e já volto.



João Pedro Carvalho

As opiniões de
João Pedro Carvalho

Nascido e criado no Alentejo, em Vila Viçosa, com formação académica em Engª do Ambiente, sempre fui defensor e apreciador dos produtos e da gastronomia de cada região.
O mundo do vinho foi-me cativando até que em 2005 criei o primeiro blog de vinhos em Portugal, o Copo de 3. O objectivo ainda hoje é o mesmo, divulgar o melhor possível todos os vinhos que vou tendo a oportunidade de provar e tentar cativar os consumidores para este fantástico mundo.

mais Artigos cá dos nossos sobre Selecção de enófilos

  • SAIBA MAIS
    Um tinto com a assinatura do Douro
    Um tinto do Douro a mostrar a raça que caracteriza os vinhos da região.
  • SAIBA MAIS
    A identidade própria é a chave do sucesso
    Um vinho onde se respira Alentejo.
  • SAIBA MAIS
    Um assado de borrego com vinho do Dão
    O vinho é um factor de união e promotor da confraternização.
    selecao-enofilos-dao
  • SAIBA MAIS
    Uma bairrada para todos
    Um tinto que mostra uma faceta moderna, numa combinação da tradicional casta Baga com a casta Touriga Nacional.
  • SAIBA MAIS
    Os encantos do Moscatel de Setúbal
    O Moscatel de Setúbal é um mundo que merece ser conhecido e explorado.
  • SAIBA MAIS
    Perfeito para o verão, Branco Leve de Lisboa
    É um vinho de carácter jovial, quase sempre ligeiro de corpo, mostrando-se bem frutado e perfumado.
  • SAIBA MAIS
    Alvarinho, o rei do verão
    Haverá melhor maneira do que com um Alvarinho servido bem fresco na companhia dos amigos?
  • SAIBA MAIS
    Um Loureiro fresco e perfumado
    De aromas frescos e muito perfumado, cheira a verão!
  • SAIBA MAIS
    A frescura da serra
    Um segredo muito bem guardado.
  • SAIBA MAIS
    Um branco Do Tejo
    Um belo branco Do Tejo cheio de raça, oriundo de um dos produtores mais conhecidos da região, a Quinta da Alorna.
  • SAIBA MAIS
    Um branco DOC Douro
    Vinho tenso que acompanha muito bem pratos de bom temperamento.
  • SAIBA MAIS
    Um Reserva Douro
    Aromas e sabores mostram um tinto do Douro pronto a dar muito prazer, trago após trago, sem cansar.
    opiniao-douro-destaque
Partilhar
Facebook Twitter Mais