Header Imagem
Vacinar e desparasitar

Vacinar e desparasitar: quando?


Por: Joana Rita Sousa

Quando somos tutores de um cão ou de um gato cai sobre nós a responsabilidade de vacinar e desparasitar o nosso melhor amigo. Há vacinas opcionais e outras obrigatórias – sabe quais são?

  • Vacinas obrigatórias e protocolos de vacinação

    Em Portugal a vacina da raiva é obrigatória e pode ser administrada a partir dos três meses. Os reforços são anuais – também podem acontecer até 3 anos, depende do laboratório que produz a vacina. 

    Com seis semanas os cachorros podem ser vacinados contra a parvovirose e a esgana. A esgana é uma doença infecciosa e altamente contagiosa. Afecta os pulmões, o intestino e o sistema nervoso dos cães. O tratamento existente minimiza possíveis efeitos secundários desta doença. A vacina inicial é reforçada com dois reforços, com um intervalo de 3 a 4 semanas.

    A partir das 8 semanas os cachorros já podem ser vacinados contra a leptospirose, a tosse do canil e a hepatite canina. A tosse do canil é uma doença comum e também contagiosa entre os canídeos. À partida, a toma de antibiótico é eficaz, mas nada como prevenir, com a vacina.

    A leptospirose é transmitida entre cães e também aos humanos; trata-se de uma bactéria presente na urina de animais (por exemplo, os ratos) e a vacina é a melhor forma de prevenir.

    No caso dos nossos amigos gatos a primeira vacina acontece com 8 semanas: rinotraqueíte, calicivirus e panlecopenia felina. A rinotraqueíte é uma doença viral, bastante comum, que afecta o aparelho  respiratório. Há lugar a reforço às 12 semanas. A calcivirose felina é uma doença que também afecta o aparelho respiratório e é contagiosa entre gatos, sem que afecte os humanos. A panlecopenia felina afecta o sistema digestivo e respiratório do gato e pode, também, afectar a medula óssea.

Desparasitar: animais e humanos, claro!


A desparasitação interna deve acontecer aos 15 dias de vida, tanto para cães, como para gatos. Deverá acompanhar o protocolo vacinal e repetir, de 4 em 4 meses. No caso da desparasitação externa esta deverá ser feita de acordo com o produto escolhido. No caso das pipetas, deverá acontecer mensalmente.

A desparasitação humana também deverá acompanhar a desparasitação dos nossos melhores amigos. Informe-se junto da sua farmácia.

 

Vacinar e desparasitar
Vacinar e desparasitar

Visite o seu veterinário e coloque as suas dúvidas


Além destas vacinas que referi há outras que podem ou não fazer parte do plano de vacinação do seu animal doméstico. Um exemplo? A vacina contra a leishmaniose. Esta é uma doença que pode ser fatal, mas não é contagiosa. Contei-vos aqui:  que já perdi um cão com esta doença, ainda que tenha vivido alguns anos, com qualidade de vida, e portador da doença.

Nada como visitar o seu veterinário para se aconselhar, perceber se está tudo em dia e colocar as suas perguntas sobre os protocolos vacinais.

O autor não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.

Outros Artigos da Joana Rita

PARTILHE
Facebook Twitter Mais

LOJA ONLINE

Este Intermarché não dispõe ainda do serviço de loja online.
Por favor indique-nos o seu nome e email para ser notificado logo que o serviço esteja disponível nesta loja.
Ou escolha outra loja online

NEWSLETTER

A ITMP Alimentar, S.A. – NIPC 503 882 003, situada em Lugar do Marrujo, Bugalhos - 2384-004 Alcanena, tratará os seus dados pessoais de forma automática para lhe enviar informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, cumprindo com o disposto no Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados. Os dados serão conservados pelo período em que o Cliente mantiver ativa a sua subscrição da newsletter. O consentimento expresso do Cliente é o fundamento jurídico aplicável à recolha e utilização dos seus dados pessoais para os fins indicados.

Tem o direito de, a qualquer momento e de forma gratuita, exercer os seus direitos de aceder, de atualizar, de retificar, de apagar, de limitação do tratamento, de oposição ao tratamento dos seus dados pessoais e de portabilidade dos mesmos ou de revogar o seu consentimento, devendo, para o efeito, dirigir-se ou enviar correspondência para a morada acima mencionada ou através do e-mail geral@mosqueteiros.com.

Caso deseje fazer uma reclamação sobre a forma como os seus dados pessoais estão a ser processados pela ITMP Alimentar, S.A. pode fazê-lo para a morada acima indicada e, também, para autoridade supervisora (Comissão Nacional de Proteção de Dados – CNPD, Av. D. Carlos I, 134 - 1.º 1200-651 Lisboa, Tel: 351 213928400, Fax: +351 213976832, e-mail: geral@cnpd.pt).

Se consentir o tratamento dos seus dados pessoais para o envio de informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, clique em "Li e aceito".