Header Imagem
passear com os cães

Sim, são conversas


Por: Joana Rita Sousa

Claro que sim. Quem tem um cão como animal de companhia sabe bem que é verdade: seja em passeio, no carro, em casa, no quintal, quando estamos na companhia do nosso cão são muitas as conversas que acontecem. E não, não estamos só a falar sozinhos ou a pensar alto: estamos mesmo a conversar. E tantas vezes acho que o Félix responde, o Friqui encolhe os ombros e o Farrusco, como está com 17 anos e um pouco surdo, vai dizendo “hum hum”, sem ouvir muito bem o que estou a dizer.

Há dias tropecei num estudo sobre animais de companhia, realizado no Reino Unido e que falava precisamente sobre esta tendência dos humanos para falar com os seus melhores amigos . Sim, segundo esse estudo, 65% das pessoas inquiridas diz que o seu cão é o melhor amigo. 96% das pessoas consideram que o animal de estimação é um membro da sua família.

Reparem nos números: no estudo que refiro, as pessoas passam, em média 47 minutos por dia a conversar com o seu amigo canino. Admitem mesmo revelar segredos nessas conversas, daqueles que não se partilham com mais ninguém – nem mesmo com a cara metade.

Os laços que criamos com os nossos animais de estimação podem mesmo ser fortes – e há várias formas de cuidar desses laços, com pequenos gestos que podemos levar a cabo todos os dias. Quais?

O passeio e o treino são óptimas formas de aprofundar o relacionamento com o nosso cão. Mesmo os cães pequenos ou que têm um espaço grande onde estar durante o dia – também esses devem passear, pois é uma excelente maneira de criar um elo entre humano e cão. Neste ponto recordo-me sempre da noção de matilha da qual fala o conhecido César Millan. Há muita informação sobre treinos na internet: aprenda e depois ensine ao seu melhor amigo. Ele vai adorar – sobretudo a parte das recompensas.

laços à mesa


Da minha experiência pessoal e de voluntariado no albergue da UPPA (União para a Protecção dos Animais), os cães dificilmente esquecem quem lhes dá comida. A hora da refeição é sempre um momento apreciado e uma forma simples de estabelecer laços com os patudos.

Também é importante haver um momento específico para estar com o seu animal: sem instagram, sem e-mails a cair no telefone, sem outras coisas pelo meio. Apenas os dois, a brincar ou a trocar mimos. O Félix é muito brincalhão e até é um cão que se ocupa sozinho, divertindo-se com os seus brinquedos – ou outros objectos que encontra (havia um piaçaba no quintal que servia para limpar o tanque da tartaruga – havia e agora a sua função é outra: brincadeiras do Félix). Ainda assim, sei bem que o Félix adora quando abro a porta e me disponho a estar dez, quinze minutos a atirar o brinquedo, para ele ir buscar, e depois atiro, depois ele foge com ele, eu tiro o brinquedo, volto a atirar... estão a ver a ideia?

Todas estas sugestões partem do princípio que temos regras de convivência bem claras. Um exemplo: se eu não quero que o Félix durma na minha cama, não vou permitir que isso aconteça e no dia seguinte, só porque não estou disposta a isso, ralho com ele. Vou deixá-lo confuso e sem saber bem o que fazer.

Como devem imaginar, quando tenho dúvidas sobre o que fazer... sento-me e converso com o Félix, o Friqui e o Farrusco.

O autor não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.

locais pet friendly

Outros Artigos da Joana Rita

PARTILHE
Facebook Twitter Mais

LOJA ONLINE

Este Intermarché não dispõe ainda do serviço de loja online.
Por favor indique-nos o seu nome e email para ser notificado logo que o serviço esteja disponível nesta loja.
Ou escolha outra loja online

NEWSLETTER

A ITMP Alimentar, S.A. – NIPC 503 882 003, situada em Lugar do Marrujo, Bugalhos - 2384-004 Alcanena, tratará os seus dados pessoais de forma automática para lhe enviar informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, cumprindo com o disposto no Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados. Os dados serão conservados pelo período em que o Cliente mantiver ativa a sua subscrição da newsletter. O consentimento expresso do Cliente é o fundamento jurídico aplicável à recolha e utilização dos seus dados pessoais para os fins indicados.

Tem o direito de, a qualquer momento e de forma gratuita, exercer os seus direitos de aceder, de atualizar, de retificar, de apagar, de limitação do tratamento, de oposição ao tratamento dos seus dados pessoais e de portabilidade dos mesmos ou de revogar o seu consentimento, devendo, para o efeito, dirigir-se ou enviar correspondência para a morada acima mencionada ou através do e-mail geral@mosqueteiros.com.

Caso deseje fazer uma reclamação sobre a forma como os seus dados pessoais estão a ser processados pela ITMP Alimentar, S.A. pode fazê-lo para a morada acima indicada e, também, para autoridade supervisora (Comissão Nacional de Proteção de Dados – CNPD, Av. D. Carlos I, 134 - 1.º 1200-651 Lisboa, Tel: 351 213928400, Fax: +351 213976832, e-mail: geral@cnpd.pt).

Se consentir o tratamento dos seus dados pessoais para o envio de informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, clique em "Li e aceito".