Header Imagem
Os animais não são presentes

Uma decisão consciente e responsável


Por: Joana Rita Sousa

A época natalícia está à porta e procura-se o presente ideal. Há quem ofereça livros ou brinquedos, bilhetes para o teatro ou roupa: e depois há quem coloque a hipótese de oferecer um cão ou um gato.

Acolher um animal de estimação na família não deverá ser fruto de um impulso natalício, que nos leva a garantir a felicidade na hora de “abrir o embrulho”. Ainda que seja atraente a ideia de colocar um laço vermelho num ser felpudo e adorável, há que parar para pensar naquilo que significa integrar um cão ou um gato na nossa vida:

  • Temos tempo para os passeios?
  • Conseguimos integrar e/ou adaptar as nossas rotinas à presença de um animal, lá em casa?
  • No caso de haver problemas de saúde teremos capacidade para custear as mesmas?
  • No caso dos bebés, temos paciência para as necessidades fisiológicas “fora do sítio”?
  • E como vai ser nas férias? 

Estas são algumas perguntas que deverá fazer e sobre as quais poderá conversar com os outros membros da família. Não deverá entender este artigo como um desincentivo à adopção, mas sim como um alerta para que a decisão não seja de impulso, mas sim consciente.

Adopções que são fruto da época

Há associações que recusam a adopção nesta altura do ano, por terem a experiência da devolução de animais, nos meses seguintes. Outras há que seguem regras bem definidas nos processos de adopção, trabalhando no sentido de que as famílias tenham consciência do que implica adoptar e dos inúmeros cenários possíveis. 

Ainda que o futuro seja algo incerto e haja tanta coisas que não conseguimos prever, o importante é que a decisão aconteça no presente, com segurança, com esclarecimento e com apoio por parte de profissionais (como um treinador e um veterinário).

Queremos muito que os cães e os gatos que se encontram nos albergues e canis/gatis sejam felizes: no Natal e nos meses seguintes.  

Visite a plataforma Amiga-me e conheça “os rostos” dos animais que aguardam pela sua família-metade.

Boas festas!

O autor não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.

 

Os animais não são presentes

Outros Artigos da Joana Rita

PARTILHE
Facebook Twitter Mais

LOJA ONLINE

Este Intermarché não dispõe ainda do serviço de loja online.
Por favor indique-nos o seu nome e email para ser notificado logo que o serviço esteja disponível nesta loja.
Ou escolha outra loja online

NEWSLETTER

A ITMP Alimentar, S.A. – NIPC 503 882 003, situada em Lugar do Marrujo, Bugalhos - 2384-004 Alcanena, tratará os seus dados pessoais de forma automática para lhe enviar informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, cumprindo com o disposto no Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados. Os dados serão conservados pelo período em que o Cliente mantiver ativa a sua subscrição da newsletter. O consentimento expresso do Cliente é o fundamento jurídico aplicável à recolha e utilização dos seus dados pessoais para os fins indicados.

Tem o direito de, a qualquer momento e de forma gratuita, exercer os seus direitos de aceder, de atualizar, de retificar, de apagar, de limitação do tratamento, de oposição ao tratamento dos seus dados pessoais e de portabilidade dos mesmos ou de revogar o seu consentimento, devendo, para o efeito, dirigir-se ou enviar correspondência para a morada acima mencionada ou através do e-mail geral@mosqueteiros.com.

Caso deseje fazer uma reclamação sobre a forma como os seus dados pessoais estão a ser processados pela ITMP Alimentar, S.A. pode fazê-lo para a morada acima indicada e, também, para autoridade supervisora (Comissão Nacional de Proteção de Dados – CNPD, Av. D. Carlos I, 134 - 1.º 1200-651 Lisboa, Tel: 351 213928400, Fax: +351 213976832, e-mail: geral@cnpd.pt).

Se consentir o tratamento dos seus dados pessoais para o envio de informações e promoções sobre produtos e serviços Intermarché, clique em "Li e aceito".